Notícias

Arrecadação com alvarás durante Congresso dos Gideões foi de R$ 513 mil
08/05/2017
Compartilhar:

A Secretaria de Finanças de Camboriú divulgou o valor total de arrecadação com alvarás com o comércio temporário montado em virtude do Congresso Internacional dos Gideões Missionários da Última Hora. O valor é de R$ 513.349,10, recebidos por meio de 232 alvarás para ambulantes, 319 para pontos comerciais, 16 para estacionamentos e 28 para transporte. O secretário de Finanças, Fernando Garcia Junior, analisa que se trata de uma arrecadação importante para o município, já que poderá ser utilizada para melhorias em diversas áreas.

O secretário ressalta que devem ocorrer modificações no formato do comércio e na forma de emissão de alvarás para 2018, como já foi alertado para os comerciantes na emissão deste ano. Todos os alvarás emitidos nesta edição do evento foram entregues aos comerciantes com um comunicado. Eles traziam que “a partir de 2018 serão aplicadas novas regras acerca da localização e funcionamento do comércio temporário no Gideões, bem como demais ações serão adotadas para a melhoria do evento. Assim sendo, no ano de 2018, os interessados deverão buscar as informações pertinentes junto à Prefeitura do Município, a fim de se adequar aos novos termos”.

O prefeito Elcio Kuhnen reforça esta necessidade de mudanças. “Sabemos que o evento precisa de algumas alterações, que não foram realizadas neste ano por falta de tempo hábil de debate. Fizemos as modificações que eram possíveis neste momento e vamos iniciar as conversas para realizar melhorias no ano que vem”, explica.

Investimentos em infraestrutura

A estimativa da organização é que a cidade tenha recebido cerca de 100 mil visitantes em virtude do evento. Para dar estrutura a este público, a Prefeitura realizou investimentos em infraestrutura. O prefeito esclarece que não houve repasses: “Os recursos foram investidos em estrutura, diretamente pela Prefeitura de Camboriú”.

Os investimentos realizados pela Prefeitura em infraestrutura para o evento somaram R$ 213.088,00 – valor bem abaixo do limite de gastos determinado por projeto de lei aprovado pela Câmara de Vereadores, que era de R$ 320 mil. “Fizemos todos os esforços para ter economia de recursos públicos, sem prejuízo para o evento”, explica Elcio. Estes recursos foram empregados, por exemplo, no aluguel de banheiros químicos – 48 deles foram colocados em diferentes pontos da área central da cidade. 

Além da locação de sanitários, integram a listagem de investimentos feitos pelo Município: alimentação e água para servidores a trabalho; locação de cadeiras; climatização e manutenções no ginásio; e locação de rádios de comunicação para os fiscais. 

Todos os direitos reservadosPrefeitura de Camboriú / Santa CatarinaPrefeitura de Camboriú / Santa Catarina
Desenvolvido por BRSIS