Notícias

Crianças e pais comemoram integração e espírito esportivo promovido durante Jecamzinho
29/11/2017
Compartilhar:

Final da queimada na categoria sub 7, naipe masculino. A escola municipal Joaquim Magalhães é a equipe campeã, mas as crianças da escola municipal Andrônico Pereira chegam muito perto da vitória. Todos riem muito e, apesar da pouca idade dos atletas, ninguém chora. As duas equipes recebem suas medalhas e na hora da foto oficial, misturam-se e se abraçam. Foi esse espírito de integração, solidariedade e respeito que marcou a realização do Jecamzinho – os jogos escolares de Camboriú promovidos especialmente para as crianças menores de 9 anos de idade entre os últimos dias 27 e 28 de novembro.

Bernardo Pereira Davi, estudante de 7 anos da escola municipal Professor Joaquim Magalhães, foi o destaque da partida. Sozinho, eliminou seis jogadores da equipe rival na final de queimada. Sua comemoração, porém, não foi por causa da vitória. “Eu estou muito feliz, porque o dia foi ótimo”, disse sorrindo.

Para João Bernardo Veloso, também com 7 anos de idade, o mais legal foi a variedade de esportes praticados. “Eu gosto de correr, de futebol, de andar de bicicleta, de jogar xadrez e de queimada. Foi muito legal o Jecamzinho porque tem muitos esportes”, defendeu. Quem mais vibrou com o ouro foi Yago Vicente Cota, atleta do mesmo time. “Eu prometi pro meu pai que ia levar uma medalha e estou levando”, comemorou ao fim da premiação.

Ao todo, 14 escolas participaram do Jecamzinho, competindo nas categorias sub 7 e sub 9 anos em provas de atletismo, mini futebol, xadrez, queimada e mini handebol. “As crianças deram um show de espírito esportivo. É claro que elas ficam felizes quando ganham medalhas e se dedicam para ganhar, mas nós percebemos que esses dois dias de Jecamzinho foram um grande festival de brincadeiras esportivas e integração entre as crianças”, comenta o coordenador geral dos Jogos Escolares de Camboriú, Renato da Conceição Junior, o Renatinho.

Organização e incentivo

Monica Vicente acompanhou o filho Yago durante as duas tardes de Jecamzinho e comemora a organização do evento. “É muito legal esse incentivo às crianças e o mais importante é a organização. O evento foi muito bem organizado e fiz questão de vir, porque nada como incentivo de pai e mãe para motivar as crianças”, destaca.

Durante os dois dias de Jecamzinho, o céu de Camboriú permaneceu ensolarado e sem nuvens. Para ajudar a dar conforto aos pequenos atletas, a Fundação Municipal de Esportes instalou algumas tendas no campo do estádio Roberto Santos Garcia – o Robertão. Também foi servida muita água, disponibilizada em bebedouros, nas tendas e também trazidas pelas escolas. Os alunos da rede municipal de ensino receberam a orientação de levar boné e roupa confortável. As professoras se preocuparam, ainda, em aplicar repelente e filtro solar nas crianças.

O campeonato é organizado em parceria entre FME e Secretaria de Educação e todo o regulamento é definido a partir de congressos técnicos com as escolas participantes. “Agradecemos a todos que competiram e que ajudaram a fazer os Jogos Escolares deste ano. Foi uma experiência gratificante e de muito aprendizado. No ano que vem, será ainda melhor”, completa Renatinho. 

Todos os direitos reservadosPrefeitura de Camboriú / Santa CatarinaPrefeitura de Camboriú / Santa Catarina
Desenvolvido por BRSIS