Notícias

Ex-integrantes da fanfarra de Camboriú se reúnem para apresentação de 7 de setembro
30/05/2018
Compartilhar:

A Praça das Figueiras, no Centro de Camboriú, foi palco para o ensaio da fanfarra na noite desta quarta-feira, dia 30 de maio. Os sons dos fuzileiros e das caixas mesclaram sutilmente com o barulho dos bumbos e repiques, todos coordenados pelos apitos do maestro. A preparação para o desfile de 7 de setembro deste ano, no entanto, tem um diferencial: o grupo, apoiado pela Fundação Cultural do município, é todo formado por veteranos.

A presidente da Fundação, Judite da Silva Piza, que também é veterana da fanfarra do município, explica que a reunião era uma vontade antiga dos ex-integrantes. “Os moradores já haviam demonstrado o interesse em outras oportunidades e optamos por apoiar esse reencontro, bem como ceder os instrumentos. Acredito que a apresentação no desfile deste ano irá reforçar a importância da data”, declara. 
 
Os moradores Adriano Gervásio; Cassildo Cardoso Filho, o Cassinho; e Luiz Antônio da Silva, o Tecau; ficaram responsáveis por reunir os ex-integrantes. Até o início dos ensaios semanais, cerca de 40 veteranos, que tocaram na fanfarra até os anos 2000, apoiaram a ideia e retornaram para o grupo. “Reencontrar os amigos e lembrar de histórias antigas é emocionante. Todos estão afiados, seguindo os toques originais, com tudo ainda fresco na memória”, analisa Cassinho.
 
Luiz Antônio tocou na fanfarra entre as décadas de 1980 e 1990. “Naquela época, a fanfarra era um acontecimento social. Então, muitos jovens queriam participar. Nós pernoitávamos em dia de evento, tocávamos na alvorada e a sensação era indescritível. Reunir todos é nostálgico, um resgate, como se voltássemos no tempo”, compartilha.
Todos os direitos reservadosPrefeitura de Camboriú / Santa CatarinaPrefeitura de Camboriú / Santa Catarina
Desenvolvido por BRSIS